3 novembro 2018
3 novembro 2018,
 23

.

Instagram: travelforlifebr | Facebook: travelforlifebr | Twitter: travelforlifebr

.

REGINALDO PUPO | JÉSSICA AQUINO

Enviados a Paraisópolis (MG)

.

Estrada tem cachoeiras com visual deslumbrante de tirar o fôlego | Reginaldo Pupo / Travel for Life

Paraisópolis tem forte potencial para desenvolver o Turismo Rural | Reginaldo Pupo / Travel for Life

Paraisópolis (MG) – Esse pedacinho de paraíso encravado na Serra da Mantiqueira esconde alguns dos muitos tesouros naturais existentes na mágica região do Sul de Minas Gerais.

Suas montanhas com desenhos harmoniosos, cachoeiras de tirar o fôlego e até uma represa artificial que faz lembrar o mar são alguns dos atrativos da simpática cidade de Paraisópolis, localizada a 195km da capital paulista.

Um dos lugares preferidos pelos turistas (e também pelos moradores), é a Área de Lazer Maria Braga Cabral. Uma extensa área verde perfeita para caminhadas, corridas, passeios de bike, contemplação da natureza e birdwachting. Caminhe sob as palmeiras imperiais, coqueiros, jabuticabeiras, goiabeiras e pitangueiras. Para quem deseja passar o dia neste lugar com ar extremamente puro, pode utilizar alguns dos quiosques, equipados com churrasqueiras.

Cidade está encravada na Serra da Mantiqueira e é repleta de atrativos naturais para todos os gostos | Reginaldo Pupo / Travel for Life

A estrutura também oferece quadras poliesportivas, mesas e parque infantil. Muitos visitantes aproveitam para meditar, aproveitando o silêncio do lugar. Os únicos sons possíveis de se ouvir são os cantos dos pássaros e da queda d´´agua da cascata, que pode ser usada para um revigorante banho.

O lugar é bem conservado, apesar de ter sido construído em 1983 no bairro Ribeirão Vermelho, onde funcionava uma hidrelétrica que forneceu, durante meio século, energia para todo o município. Para quem tiver disposição, há uma escada com 172 degraus. Ao final dela, você terá uma vista panorâmica e privilegiada de todo o parque.

.

Igrejas e capelas expressam fé dos moradores

.

Fotos Jéssica Aquino/Travel for Life

Paraisópolis, a exemplo de muitas cidades de Minas Gerais, possui diversas igrejas e capelas, que revelam a pura expressão da fé de seus moradores. Algumas delas servem como atrativos turísticos. Paraisópolis está inserida no roteiro “Caminhos da Fé”. A Igreja Matriz de São José, localizada bem no centro, é um dos pontos turísticos. Ela foi construída no início do século passado e teve todo seu interior restaurado em um passado recente.

Conta a História que o auge dos movimentos religiosos como as Filhas de Maria, a Liga Católica, Missões Religiosas, dentre outros, ocorreu nas décadas de 50 e 60. Eram movimentos que reuniam centenas de pessoas de todas as idades, de toda a região.

Se tiver tempo sobrando ao visitar Paraisópolis, visite também outras igrejas, como a de Santa Edwiges, Santo Antônio, Nossa Senhora Aparecida. Ou as capelas de São Geraldo Magela, da Soledade, Ermida da Mãe Rainha, dos Martins, de Santa Vitória, da Serra dos Pereiras, dos Jacintos, da Pedra Branca, do Ribeirão Vermelho, da Ponte do Neneco, entre outras.

.

Cidade tem represa artificial mais alta do país

.

Construída no final da década de 1980 para abastecer a cidade, represa é formada por minas naturais | Reginaldo Pupo / Travel for Life

Um dos lugares fantásticos para visitar em Paraisópolis é o Pico do Machadão, também chamado por muitos por “Morro do Machadão”. Para chegar até lá, deve-se acessar a rodovia MG-173, sentido São Bento do Sapucaí (SP). O trajeto até o atrativo, por sí só, já nos leva a uma fantástica viagem por paisagens de tirar o fôlego.

Para chegar ao pico, são cerca de 12km de estrada de terra, que passam por capelas, bairros rurais e lindas cachoeiras | Jéssica Aquino / Travel for Life

São cerca de 12km de estrada de terra, que passam por capelas, bairros rurais e lindas cachoeiras. O pico fica a 1.519 metros de altitude e o visual lá de cima é deslumbrante, de onde é possível visualizar diversas cidades do Sul de Minas e do estado de São Paulo.

O lugar reúne os apaixonados por voo livre, pois é perfeito para a prática desta modalidade esportiva. Por ali é realizado um campeonato anual que reúne atletas de todo o país.

Unidade de Conservação

O Pico do Machadão integra o Parque Natural Municipal do Brejo Grande, que possui 217 hectares e está dentro de uma UC (Unidade de Conversação) com rico bioma local, que auxilia na preservação da Mata Atlântica.

O Parque foi oficializado, ao longo dos anos, pelos governos de Paraisópolis, do estado de Minas Gerais e pelo Governo Federal.

com 217 hectares de área. Antes de chegar ao pico, a estrada de terra passa no meio da Represa de Brejo Grande, tida como a mais alta represa artificial do Brasil, com 1.430 metros de altitude. Construída em 1964 para abastecer a cidade, a represa é formada por minas naturais e tem uma diversidade de espécies de fauna e flora. Possui 23 metros de profundidade, mas qualquer atividade aquática e navegação é proibida. Apenas a pesca esportiva é permitida.

O pico fica a 1.519 metros de altitude e o visual lá de cima é deslumbrante | Jéssica Aquino / Travel for Life

Em seu entorno, são inúmeras araucárias e hortênsias ao redor do Parque que também abriga diversas espécies de animais, como cobras, onças, pacas, capivaras, tatus e macacos.

Também no Parque é possível avistar diversas espécies de aves, algumas delas endêmicas, uma oportunidade única para quem pratica o avistamento de aves (Birdwacthing), ainda pouco difundida no Brasil.

 

.

Cachoeiras para um mergulho revigorante

.

Da estrada, antes de chegar até à cachoeira, há uma vista fantástica da queda | Reginaldo Pupo / Travel for Life

A Cachoeira dos Martins, também conhecida como Cachoeira dos Henriques, possui duas grandes piscinas naturais, com uma pequena queda entre elas.

É um lugar perfeito para um piquenique com a família, uma vez que há espaços rasos nas piscinas naturais e a correnteza é fraca. Possui ainda área gramada ao lado, com sombras frescas e está a poucos metros da estrada, que é muito bem conservada.

Abaixo das piscinas está o “Véu das Noivas”. Da estrada, cerca de 100 metros antes de chegar até à cachoeira, tem uma vista fantástica dessa queda que se perde no verde do vale por onde escorre o rio. Para os aventureiros, rapel na cachoeira é uma opção imperdível.

Escalar essa queda d’água e seguir pelo rio até à ponte, uns trezentos metros abaixo é um exercício desafiador. Como todo atrativo turístico, sempre vá acompanhado por um guia turístico local e por profissionais que tenham equipamentos de segurança.

Se sua vibe estiver zen, aprecie o canto dos pássaros, o vento chacoalhando as folhagens e o som calmante das águas.

Circuito Serras Verdes

Paraisópolis pertence ao Circuito Serras Verdes, um consórcio turístico que reúne diversas cidades do sul de Minas Gerais e tem como curiosidade o fato de que elas estão distante, entre si, a menos de 20km uma das outras, facilitando o deslocamento, o que oferece a oportunidade de conhecer vários destinos.

Também fazem parte do Circuito os municípios de Bom Repouso, Bueno Brandão, Cachoeira de Minas, Camanducaia, Cambuí, Conceição dos Ouros, Congonhal, Consolação, Córrego do Bom Jesus, Estiva, Extrema, Gonçalves, Heliodora, Itapeva, Munhoz, Natércia, Pouso Alegre, São João da Mata, Sapucaí Mirim, Senador Amaral, Tocos do Moji, Toledo, Turvolandia, São Sebastião da Bela Vista e o distrito de Monte Verde.

Informações sobre os destinos: http://serrasverdes.com.br/

.

SERVIÇO:

Distâncias: a partir de São Paulo (195km), São José dos Campos (100km), Campinas (201km), Ribeirão Preto (360km), Cambuí (38km), Juiz de Fora (348km), Belo Horizonte (433km).

Informações sobre atrativos turísticos: Departamento Municipal de Meio Ambiente, Agropecuária e Turismo de Paraisópolis (MG)

Telefone: (35) 3651-4357

Horário de Atendimento: 8h às 12h | 13h às 17h

Informaçõeshttps://www.paraisopolis.mg.gov.br/pontos-turisticos

________________________________________________________________________________________________________________________

Os jornalistas Reginaldo Pupo e Jéssica Aquino viajaram com apoio do Circuito Serras Verdes e do Departamento de Meio Ambiente, Agropecuária e Turismo da Prefeitura de Paraisópolis (MG) 

_______________________________________________________________________________________________________

.

Pousada Paraíso do Alto proporciona

observar pôr do sol de camarote

.

Algumas suítes têm vista privilegiada para a cidade | Fotos Divulgação

Paraisópolis (MG) – A Pousada Paraíso do Alto, localizada no centro da cidade, possibilita a alguns hóspedes a oportunidade de observar a cidade de um ponto estratégico bem alto, devido à sua privilegiada localização.

É possível relaxar na confortável cama e ver, pela porta, os recortes das montanhas e o vai e vem de pessoas e carros de boi. Dependendo da época do ano, é possível assistir ao nascer ou pôr do sol de camarote! À noite, a experiência é ainda mais sensacional, já que é possível observar, da varanda, as noites estreladas e enluaradas. Mas somente alguns apartamentos têm vista para a cidade.

O ambiente de toda a pousada é bem agradável e decorado, o que torna a experiência da hospedagem mais interessante. Tem elementos rústicos, que casam com o contemporâneo. Logo na entrada, na confortável sala de TV, o colorido dos elementos de decoração torna o ambiente bastante agradável e aconchegante.

Café da manhã com produtos frescos e tipicamente mineiro

Relaxing

Para que o relax seja completo, após um dia intenso de passeios e banhos em cachoeiras, descanse nas generosas redes, estrategicamente posicionadas nas varandas dos apartamentos. Há uma rede para uso coletivo na entrada da pousada. Se estiver calor e o banho de cachoeira foi rápido e insuficiente, refresque-se na piscina. Localizada em uma área externa da pousada, toda murada, oferece maior privacidade.

O café da manhã é um capítulo à parte. Típico mineiro, é produzido carinhosamente e de forma artesanal. Há opções de pães fresquinhos, pão de queijo, frutas frescas da estação, sucos e leite. O café é preparado no fogão a lenha. Nada mal para quem vai encarar outro dia de passeios intensos por Paraisópolis.

Na confortável sala de TV, o colorido dos elementos de decoração torna o ambiente bastante agradável e aconchegante

Acomodações

A Pousada Paraíso do Alto oferece diversas configurações de acomodações, de casal a grupos de pessoas. Afinal, o empreendimento é bastante procurado por peregrinos que fazem o Caminho da Fé.

A suíte “love” foi configurada (e decorada) para casais apaixonados. A suíte Paraíso do Alto tem vista panorâmica. Já a suíte Pouso Paraíso do Alto comporta confortavelmente até seis pessoas em camas de solteiro.

.

SERVIÇO | POUSADA PARAÍSO DO ALTO

 Endereço: Travessa José Dias de Medeiros, 122 – Centro – Paraisópolis (MG)

Telefone | Reservas: (35) 99751-3092 – WhatsApp

E-mail para Reservas: reservas@pousadaparaisodoalto.com.br

Informações: http://www.pousadaparaisodoalto.com.br

.

23 responses on “Pacata e deslumbrante, Paraisópolis (MG) encanta por suas belezas naturais

  1. Cláudio disse:

    Uma pequena correção para a reportagem que está muito boa: A represa do Brejo Grande junto ao pico do Machadão foi construída em 1964 e não no final da década de 1980 como está escito.

  2. Janaina disse:

    Faltou falar do Distrito de Costas, que faz parte do Município de Paraisópolis. Se situa nas partes altas do Município, chegando a altitudes de 2050 metros, como o Pico da Pedra de São Domingos. O Distrito é considerado um dos pontos fortes do turismo de Paraisópolis, um vilarejo aconchegante, sussegado e de uma beleza natural típica da Serra da Mantiqueira, com relevo fortemente acidentado, com montanhas altas, vales e ribeirões, um clima tropical de altitude e uma natureza exuberante.

  3. Achei estranho não comentarem do parque ecológico ANTONIO feliz Teixeira ou a mediocridade dos políticos não permitiram ou está abandonado e custava colocar.que a represa do brejo grande foi construída pelo dinâmico João de Paula Cabrsl

    • Travel for Life disse:

      Olá Roosevelt. Conforme mencionamos aqui a outros leitores, infelizmente, nossa equipe teve apenas um dia e meio para visitar a cidade.
      Sabemos que muitos lugares incríveis não foram visitados, mas já estamos agendando uma nova visita para que possamos desbravar tudo o que essa linda e paradisíaca cidade tem a oferecer a nós, turistas.

      Equipe Travel for Life

    • Leonor Felix Teixeira de Sousa disse:

      Isso. mesmo primo! Bj

  4. Paulo Castro disse:

    Excelente documentário sobre a cidade de Paraisopolis MG. Mas esqueceram de mecionar umas das mais belas molduras da natureza de Paraisopolis, um dos picos mais altos da região da Mantiqueira, que pertece ao municipio de Paraisopolis a Pedra de São Domingos, cuja elevação chega a 2050 metros.

    • Travel for Life disse:

      Olá Paulo Castro, obrigado por seu contato.
      Infelizmente, nossa equipe teve apenas um dia e meio para visitar a cidade.
      Sabemos que muitos lugares incríveis não foram visitados, mas já estamos agendando uma nova visita para que possamos desbravar tudo o que essa linda e paradisíaca cidade tem a oferecer a nós, turistas.

      Equipe Travel for Life

  5. Eduardo L. Zanim disse:

    Morei em Paraisópolis quase oito anos, tudo que vi é verdade, tenho um carinho muito grande por esta cidade.

  6. José Ferreira de Souza Rezende disse:

    “Paraíso” como é chamada carinhosamente pelos moradores, a Cidade de Paraisopolis encanta não somente pelos locais deslumbrantes que possui mas também pelo clima de serra que tem o ano inteiro com ventos, brisa refrescante toda noite no verão e o povo acolhedor que alí mora.

  7. Antônio Carlos ( Caca ) disse:

    Este lugar é realmente incrível, e por sinal o conheço a muitos anos;
    Já curti e já fiz muitas festas aí no paraíso!
    Grande abraço a todos ❤️🙏🙏🙏..

  8. Faltou acrescentar o Túnel (onde passava o trem) , a Pedra da Cruz muito procurada por escaladores) e a
    Igreja e Gruta N. S de Lourdes, todos na divisa entre Paraisópolis e Brasópolis (ao lado da rodovia que liga os dois municípios).

  9. Lídia Fernanda Ribeiro disse:

    Amei cada detalhe.
    Minha cidade é realmente incrível
    É hospitaleira.
    Só precisa do apoio dos administradores para ter algo bacana pra garotada fazer, se reunir com amigos, sem excessos de bebidas que infelizmente é o que vejo e me entristece cada vez que vou lá. E olha que vou todo mês. Seria maravilhoso fazer a cidade ter a mesma energia da minha época.

  10. Geraldo Magela Santos tiorfao disse:

    Paraisópolis é assim mesmo. Linda, fantástica e muito maravilhosa. Tenho um orgulho imenso de ter nascido aqui.

  11. Passei bons momentos da minha juventude em Paraisópolis, lugar bastante acolhedor, com vistas maravilhosas, local simples mas de uma riqueza de paisagens naturais, vendo estas fotos me fez reviver bons momentos …tenho saudades do povo, dos amigos que lá fiz e não vejo há MT tempo. Abraço a todos.

  12. Olalis disse:

    Linda e excelente reportagem , me deixou mais apaixonada por Paraisópolis.

  13. Edison disse:

    Olá! Quando será publicado alguma matéria sobre a nossa pousada casa da fazenda?
    Att Edison Ferreira Campos de souza

    • Travel for Life disse:

      Olá Edison, bom dia! Como vai?
      A matéria de Paraisópolis, na qual a Pousada Casa da Fazenda será inserida, está prevista para ser publicada até o final de janeiro.
      Assim que sair, todos os parceiros serão avisado.

      Um grande abraço!

      Redação Travel for Life

  14. Fernando disse:

    Quem vai a Parsisopolis e não entra no Mercado Municipal para comer Pastel, não sabe o que perdeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »